27/04/2011

Ademar Batista de Mello - O Protético




Ademar Batista de Mello nasceu em Jaguariaiva (Pr), dia 20 de Setembro de 1940, no auge da II Guerra Mundial. É filho de Moisés Batista de Melo e Francisca Batistina de Melo.
Aos sete anos de idade, sua família fixou residência em Siqueira Campos onde Ademar viveu a maior parte da sua infância e iniciou seus estudos primários. 

Dedicação - "Aos 15 anos eu precisava trabalhar e já me interessava por protéses. Conversei com meu amigo Plácido de Souza, priofissional da arte em Siqueira Campos, e ele me deu essa oportunidade. Uma porta que se abriu e jamais se fechou, porque é o que realmente gosto de fazer com paixão e toda minha dedicação profissional."


Ademar Batista de Mello e Luiz Carlos Klank. "Nos formamos juntos, mais o Artur Kunioshi"

"Comecei como auxiliar de Protético em Siqueira Campos. Entre 1964 a 1967 fiz curso em Curitiba de Técnico de Prótese Dentária (TPD) na Universidade Federal do Paraná. Nas aulas práticas era companheiro de Luiz Carlos Klank e do Artur Kunioshi.
"Me formei na UFPR - Universidade Federal do Paraná e sai  Protético habilitado com o Certificado N° 52. Dia 20 agosto retornei a Campo Mourão definivamente, residir e trabalhar, e nunca mais saí daqui".



Campo Mourão - "Eu já conhecia Campo Mourão através do que nos contava meu mano Jairo Batista de Melho, que se estabeleceu aqui no início de 1950. Em seguida vieram meus pais e eu, já casado e com os filhos, aporteiem Campo Mourão em 1967. Eu demorei a vir porque estudava em Curitiba. "Me instalei no andar superior do Edifício Alvorada, na esquina da rua Brasil X Capitão Índio Bandeira, onde trabalho firme, até hoje, com dedicação integral"



Família - É casado com Dora Mello, natural de Salto do Itararé, depois conterrânea em Siqueira Campos onde ele a conheceu, deu namoro e casório. "Eu tinha doze anos, namoramos quatro anos, ficamos noivos mais um ano e casei quase com 18 anos."
Ademar e Dora têm três filhos: Dânia Vanessa, Ademar Júnior e Vânia Crisla, e vários netos e netas.


Coincidências - Ademar revela que sua filha Dânia e seu pai Moisés, também casaram no dia 23 de dezembro, "assim como eu"

Pioneiro -Ademar foi estudante pioneiro do Ginásio Campo Mourão, um dos três integrantes da primeira fanfarra e desfile escolar daquele ginásio; pioneiro no Carnaval de Rua da cidade, sambista e pandereiro da Comissão de Frente nos desffiles pela av Capitão Índio Bandeira.



Membro do Rotary Club de Campo Mourão por cerca de quatro décadas, galgou o cargo de presidente no biênio l979-1980 e governador do Distrito L/4630 de 1991 a 1992, cargo este ocupado pela vez primeira, por um cidadão mourãoense.


Ademar e o presidente do Rotary Internacional, o indiano Ragendra Saabu.



Fui 'peladeiro'  do time dos Camarões, no Country Clube, juntamente com este timaço: da dir/esq - Eu, Tomadon, Aramys, Fioravante Ubiali, Osvaldo Wronski e Nelson de Souza (árbitro). Agachados: José Turozzi, Flavinho e Luiz Carlos Cavalheri.